Domingo, 20 de Junho de 2021 19:55
71992727997
Coronavírus VACINAÇÃO

Município de Candeias alcança as coberturas vacinais dos últimos anos

De acordo com a subcoordenadora de imunização, Bárbara Matos, Candeias sempre ficou na média de 90 a 95% de cobertura para a vacinação do calendário anual, sofrendo uma diminuição da procura devido à pandemia.

11/06/2021 00h51 Atualizada há 1 semana
Por: Redação: V.M.R.C Fonte: Ascom/PMCandeias
Imagem: Divulgação
Imagem: Divulgação

Com uma população de cerca de 87.458 pessoas, de acordo com o censo de 2010 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE, Candeias está preparada para as campanhas de imunização. O balanço é realizado pela Coordenação de Imunização da Secretaria de Saúde nesta data, 09 de junho, Dia Nacional da Imunização. 

Em março de 2017, a Organização Pan-Americana de Saúde – OPAs, premiou o município, por meio do trabalho da Secretaria de Saúde – Sesau, com 100 mil reais pela cobertura vacinal de 95% da população com a Febre Amarela.

Os dados da Secretaria de Saúde do Estado – Sesab, apontou que, de 2007 a 2017, 98,6% dos candeenses já se encontravam imunizados contra a doença, tendo apenas 2% da população não vacinada.

O valor foi investido para a construção da Clínica de Imunização Proteger, exclusiva e especializada em imunização. Com a Proteger, as campanhas de vacinação contra poliomielite, gripe, entre outras, não ficaram abaixo do nível esperado pelas secretarias municipais de Saúde.

Em julho de 2018, a Sesau, através da Vigilância Epidemiológica informou que a cobertura vacinal da 20ª Campanha Nacional de Influenza foi de 97%. No dia 12 de maio do mesmo ano foi realizado o dia D no município. A população estimada em Candeias foi de 14.493 do grupo prioritário e obteve 14.058 doses registradas.

O coordenador de imunização, Adilson Oliveira, pediu que a população continue se vacinando. “A procura da segunda dose da vacina contra Covid está baixa. As pessoas não devem se preocupar com as reações que são normais de todas as vacinações e virem para imunização”, alertou ele. Oliveira avisou que a vacinação contra Influenza também deve ser tomada. “Só precisa ter atenção no prazo, após 15 dias da vacina da Covid-19, os públicos que devem tomar as duas”.

Campanhas de vacinação em campo e Plano de Imunização contra Covid-19

No mês de outubro de 2018, a Sesau, por meio da Vigilância Epidemiológica, iniciou uma campanha municipal de intensificação para a vacina do HPV nas escolas, do dia 04 a 30 de novembro. O objetivo foi vacinar os adolescentes para atingir a redução da possibilidade de desenvolvimento do câncer de colo de útero, terceiro tipo de câncer mais comum em mulheres e a quarta causa de óbito por câncer no país.

De acordo com a subcoordenadora de imunização, Bárbara Matos, Candeias sempre ficou na média de 90 a 95% de cobertura para a vacinação do calendário anual, sofrendo uma diminuição da procura devido à pandemia.

Em janeiro de 2021, a Prefeitura de Candeias junto à Secretaria de Saúde lançou o Plano de Imunização contra a Covid-19. Na primeira fase, foram vacinados os profissionais da Saúde e idosos acima de 75 anos, inicialmente na Clínica Proteger.

Pessoas acima de 54 anos, professores, caminhoneiros, gestantes e puérperas, pessoas com comorbidades, profissionais da segurança, da limpeza urbana, pacientes em diálise, são alguns dos grupos imunizados no município. São 24.933 doses aplicadas em 18.565 pessoas até esta terça-feira, 08 de junho. Bárbara Matos disse que é fundamental o compromisso da população com a vacinação. “Só assim poderemos evitar o surgimento de novas doenças e epidemias”, enfatizou ela.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias