Sábado, 20 de Julho de 2024 10:44
71996807374
Esportes BRASILEIRÃO SÉRIA A

Vitória perde em casa para o São Paulo e continua na zona de rebaixamento

A equipe Rubro-Negra, ficou com um a menos desde o início do 1° tempo.

08/05/2024 00h22 Atualizada há 2 meses
Por: Redação: V.M.R.C Fonte: Redação: Virou Manchete
imagem: Victor Ferreira/ECV
imagem: Victor Ferreira/ECV

Não foi dessa vez. O Vitória segue sem vencer no Brasileirão. Na tarde deste domingo (5), o rubro-negro amargou a terceira derrota na competição, por 3x1, para o São Paulo, no Barradão. Luciano, duas vezes, e Ferraresi anotaram para a equipe paulista. Willian Oliveira descontou.

                                             

O Vitória atuou com um jogador a menos durante quase todo o confronto, porque Wagner Leonardo foi expulso de campo com apenas seis minutos de bola rolando. O fato fez com que o técnico Léo Condé mudasse a estrutura tática preparada para o jogo. O lateral direito Willean Lepo foi sacado do time e o zagueiro Reynaldo entrou em campo para recompor a defesa.

                                                           

Com o resultado, o Vitória segue na zona de rebaixamento da Série A, com apenas um ponto, na 18ª posição, à frente apenas de Atlético-GO, que teve o jogo desta 5ª rodada adiado, e Cuiabá, que enfrenta o Palmeiras esta noite. Já o São Paulo chegou a sete pontos e subiu para o 6º lugar.

O elenco rubro-negro terá uma semana inteira de treinamentos até o próximo compromisso no Brasileirão. No domingo (12), às 11h, o Vitória visita o Vasco, em São Januário. O São Paulo volta a jogar no torneio nacional no dia 13, uma segunda-feira, às 19h, contra o Fluminense, no Morumbi.

                                                     

BOLA EM JOGO

O Vitória sofreu um baque seis minutos depois que a bola rolou, quando o zagueiro Wagner Leonardo foi expulso de campo por cotovelada em Calleri. Em desvantagem numérica, o Leão finalizou apenas uma vez no primeiro tempo. Patric Calmon avançou e chutou cruzado, mas o goleiro Rafael defendeu.

O São Paulo comandou as investidas ofensivas e abriu o placar aos 44 minutos da etapa inicial. Igor Vinícius cruzou na medida e Luciano, de peixinho, alterou o placar do Barradão: 1x0. Garçom do tento, o próprio Igor Vinícius já havia tentado carimbar a rede antes ao bater de primeira, assim como Michel Araújo, de cabeça, e Rodrigo Nestor, em cobrança de falta. Nos acréscimos, Galoppo ainda tabelou com Luciano e soltou o pé, mas Lucas Arcanjo defendeu.

No segundo tempo, o Vitória fez a galera da arquibancada vibrar logo aos quatro minutos. Matheuzinho cobrou escanteio e Willian Oliveira aproveitou. O volante cabeceou forte e igualou o marcador: 1x1. No entanto, a reação rubro-negra foi brecada logo em seguida. Aos sete minutos, Michel Araújo cruzou para Luciano e o atacante colocou o São Paulo na frente outra vez ao anotar o segundo gol no jogo: 2x1.

O Vitória teve uma boa oportunidade para igualar novamente o marcador, aos 13 minutos, quando Lucas Esteves tabelou com Matheuzinho e bateu cruzado, só que para fora. O rubro-negro não conseguiu reagir e viu o São Paulo perseguir a ampliação do placar. Luciano teve a chance de marcar o terceiro, mas o goleiro Lucas Arcanjo defendeu o chute forte do atacante tricolor. Ferraresi foi o responsável por dar números finais ao jogo, aos 38 minutos. Após escanteio, ele aproveitou sobra de bola e encheu o pé: 3x1.

FICHA TÉCNICA

Vitória 1x3 São Paulo (Série A – 5ª rodada)

Vitória: Lucas Arcanjo, Willean Lepo (Reynaldo), Zeca, Bruno Uvini, Wagner Leonardo e Patric Calmon (Lucas Esteves); Willian Oliveira, Dudu e Matheuzinho (Daniel Júnior); Osvaldo (Mateus Gonçalves) e Janderson (Luiz Adriano). Técnico: Léo Condé.

São Paulo: Rafael, Diego Costa, Arboleda e Alan Franco (Ferraresi); Igor Vinícius (Erick), Bobadilla (Galoppo), Rodrigo Nestor (Rodriguinho), Alisson e Michel Araújo; Luciano (André Silva) e Calleri. Técnico: Luis Zubeldía.

Estádio: Barradão

Gols: Luciano, aos 44 minutos do 1º tempo; Willian Oliveira, aos 4 minutos, Luciano, aos 7, e Ferraresi, aos 38, do 2º tempo

Cartão amarelo: Bruno Uvini, Dudu e Lucas Esteves; Bobadilla, Galoppo, Alan Franco e Michel Araújo

Cartão vermelho: Wagner Leonardo

Público: 25.540 pagantes

Renda: R$ 730.989,00

Arbitragem: Ramon Abatti Abel, auxiliado por Thiaggo Americano Labes e Gizeli Casaril (trio de SC). VAR: Rodolpho Toski Marques (PR).

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias